Lembranças de viagem!

Gente,

Hoje comecei um post sobre Milão, mas fiquei um pouco travada, então resolvi tirar o dia pra compartilhar minhas lembranças de viagem! Eu não sei se você é desse tipo de viajante, mas eu sempre viajo pensando na minha casa! Sempre pensando no que vou levar pra minha casa! É como se eu estivesse trazendo um pedacinho dos lugares que visitei! Afinal, relembrar é viver!

Sei que vocês terão suas próprias lembranças, mas pensei e por que não mostrar no meu blog as minhas? Então aqui vai um pouquinho de mim pra vocês….

20150911_092912

Nessa primeira foto, tem um porta retratos daqueles que a gente coloca uma pen drive e as fotos ficam passando, sabe? Eu dei de presente pro meu marido quando ainda namorávamos, mas hoje ele fica aqui na nossa ilha, mostrando a nossa história! Ao lado dele, uma cafeteira que comprei em Roma, em uma lojinha maravilhosa perto do Panteão; e porta-copos que você encontra em qualquer lojinha de Paris. Esses eu comprei perto da Catedral de Notre Dame.

20150911_092927Esse jogo americano faz parte de um kit com 4 jogos diferentes que remetem a café em Paris! Comprei em uma lojinha perto do Pompidou, que foi onde estava mais baratinho… eu uso muito!

20150911_092941 Essa galinha meu marido trouxe de uma viagem que fez a trabalho para Recife! Ela foi o primeiro enfeitinho que arrumamos para nossa casa, por isso tem valor especial!  Quero muito conhecer Recife também!

20150911_093001

Nessa foto, o que mais tenho de lembranças, inclusive lembranças que ganhei! Sei que tem quem ache ímãs de geladeira brega, mas eu tenho o maior orgulho da minha geladeira! Hahaha! A maioria dos ímãs eu trouxe de viagem, mas nossos irmãos e amigos nos deram alguns também,  como os de Gramado, Londres, Punta del Este e Amsterdã!  Gosto de acreditar que eles vão me dar sorte pra viajar mais e mais! Em cima da geladeira, mais lembrancinhas que trouxe de Nova York e Miami, e uma galinha que ganhei em um chá de panelas, que é uma luva de forno…

20150911_093036

A nossa mesa de centro tem uma gaveta, e aí dá pra ver o que tem abaixo do vidro: meu álbum de casamento, um conjuntinho de 4 pratos da Alice no País das maravilhas que eu trouxe da Disney e um pratinho do Vaticano. Acima do vidro, a torre Eiffel, que ganhamos da irmã do Gui, que conheceu Paris antes de nós. Livros de Roma e de Michelangelo (o cara!) e 4 porta copos que trouxemos de Roma feitos com mármore travestino!

20150911_093110

E finalmente,  trouxemos do Vaticano a Nossa Senhora de Fátima e de Lisboa o negocinho de colocar petiscos! Só para o caso de alguém ter curiosidade,  o quadrinho é o nosso convite de casamento, que a avó do Gui nos deu de presente, e os passarinhos foram lembrancinhas que eu dei para as minhas madrinhas de casamento e além disso temos ali Nossa Senhora Aparecida, padroeira do nosso país! E, aí, qual será o próximo presentinho para a minha casa? Em novembro eu conto pra vocês!

Anúncios

São Paulo: dicas

Hoje São Paulo está fazendo 461 anos! Então nada melhor que falar de São Paulo. Esses dias escrevi aqui que eu e meu marido fomos pro salão do automóvel. Pois bem, por mais que a gente tenha planejamento, algo sempre foge do planejado! Quando fomos pegar o vôo,  mesmo chegando ao aeroporto na hora certa, a companhia aérea não tinha mais assento disponível para nós e teve que nos colocar em outra aeronave. E o pior, ao invés de ir para Congonhas, tivemos que ir uma hora depois para Guarulhos. Apesar de a companhia ter pago o taxi de Guarulhos até o nosso hotel, chegamos bem tarde para o almoço e ao invés de ir em algum dos restaurantes que planejávamos,  fomos caminhando pela rua perto do hotel para achar um restaurante perto em que pudéssemos matar a fome rápido!  Encontramos o Taca da Esquina na Alameda Itu, 225, um restaurante português pra lá de charmoso! Como ele foi estruturado numa casa antiga,  ele tem vários ambientes menores, o que o deixa bem aconchegante. De início eu achei que por causa disso,  os garçons esqueceriam da gente eventualmente, mas eles (que eram portugueses) nos trataram super bem o tempo todo! O mais legal é a cozinha, que fica no meio da estrutura,  e é toda de vidro. Deu pra ver que estava tudo muito bem organizado e limpo! Uma pena que eu não tenha tirado fotos do ambiente.
O cardápio é mudado diariamente, pelo que entendi. Naquele dia,  estávamos com vontade de carne. Comemos um filé com batata frita e estava tudo uma delícia! Mas o melhor foi a sobremesa!  Eles tem alguns sorvetes exóticos! Tomei um de caipirinha de maracujá,  com uma farofinha doce da casa! Excelente!  Deu vontade de provar todos os sabores. E eles têm um menu degustação dos sorvetes!  Numa próxima vez,  essa vai ser minha pedida!

image

Sorvete de caipirinha de maracujá

Sampa linda, parabéns pelos 461 anos! Espero que eu possa te visitar sempre!!!

Tiradentes e São João del Rei

Em junho de 2011, eu e meu marido (à época, namorado), tivemos a oportunidade de apadrinhar o casamento de grandes amigos nossos, que resolveram celebrar o matrimônio na cidade da noiva, São João del Rei. Eles se casaram no feriado de Corpus Christi, e nós tivemos 4 dias para conhecer as duas cidades. Na verdade tivemos 2 dias e meio, contando que fomos de carro na quinta-feira de manhã e chegamos lá por volta de 15:30 (isso porque não paramos pra almoçar) e pegamos a estrada de volta no domingo de manhã. Eu recomendaria um dia a mais, pois dizem que tem um ecoturismo legal lá,  que eu não pude experimentar; mas os dois dias e meio foram o suficiente pra conhecer um pouco de duas cidades maravilhosas, que merecem ser revisitadas!

Pelas ruelas de São João del Rei

Pelas ruelas de São João del Rei

Chegamos à tarde, varados de fome, e como já era 15:30 foi bem difícil encontrar um restaurante aberto. Acabamos almoçando o final de um self service perto do centro histórico de São João del Rei. A comida, claro, já não estava lá grandes coisas, mas a vista do centro me deixou encantada. Eu morei em Brasília a vida toda e acho que esse foi um dos motivos que me fizeram amar viajar! Não me levem a mal, eu amo Brasília,  acho uma cidade linda, que tem um mix de cidade grande com interior, no melhor sentido das duas! Mas Brasília é uma cidade planejada, e, portanto, diferente!  Só que para mim que sempre vivi aqui, as outras cidades é que são diferentes! Assim, imagina meus olhos brilhando com aquelas casas históricas do interior de Minas? Com os prédios históricos da prefeitura? Com as igrejas antigas? São João del Rei encheu meus pulmões de vida! Eu sabia que ia ser um dos feriados pra guardar na minha história!

O centro histórico de São João del Rei

O centro histórico de São João del Rei

À noite encontramos outros amigos e curtimos um barzinho perto da praça e da igreja! E curtimos um friozinho de junho, daqueles não muito invernais, mas na medida certa, sabe? Na sexta-feira teríamos o casamento à noite e aproveitamos o dia para conhecer mais de São João. Entramos nas igrejas, tiramos fotos das praças e dos prédios históricos! Foi um dia bem prazeroso!

Na ponte de São João del Rei

Na ponte de São João del Rei

O casamento foi abençoado e festa foi muito divertida, com direito até mesmo a um barril de pinga, a cara de Minas Gerais! Mas o dia seguinte nos reservava momentos especiais também! Todos os nossos amigos do casamento eram enfermeiros e tinham que voltar pra Brasília pra dar plantão. O casal tinha que se preocupar com algumas questões pós festa! Assim,  eu e Guilherme resolvemos conhecer Tiradentes, um município a dez quilômetros de São João del Rei,  tombado como patrimônio histórico nacional, com população de quase 9 mil habitantes. Gente,  que delícia de lugar! Passamos o dia percorrendo suas vielas íngremes,  visitamos a igreja e o cemitério,  as lojas de souvenir e as de doces em compotas, comemos comida mineira e tomamos um chope (o Guilherme,  porque eu não sou muito fã) e ficamos com uma vontade de viver aquela calmaria até quando Deus quiser!

Tiradentes linda demais!

Tiradentes linda demais!

Tiradentes é uma cidadela encantadora, que com certeza vale incluir na sua viagem! Voltamos para São João já sentindo saudades daquele feriado, e curtimos um barzinho num shopping da cidade com nosso casal recém casado, na nossa última noite ali! E lá se vão quase 4 anos, e a vontade de ir de novo permanece aqui!

As compotas de Tiradentes

As compotas de Tiradentes